Celular no bolso salva homem de bala perdida

Data: sexta-feira, 3 de julho de 2009 5 comentários

Isso que sim que é sorte, ou apenas não chegou a hora dele mesmo neh!!!
Incrível.

O norte-americano R.J. Richard, 68, acredita que um celular salvou sua vida. Ele estava cortando a grama quando foi atingido no peito por uma bala perdida, e o celular que estava no bolso de sua camisa amenizou o impacto da bala de calibre .45.

O morador de Covington, Louisiana, diz que não costuma usar o celular no bolso da camisa, mas que Deus o guiou nesse dia, segundo a AP.
Richard ficou ferido, mas os médicos disseram que, graças ao celular e ao ângulo em que a bala o atingiu, o acidente não foi tão grave quanto poderia ter sido.
A polícia está investigando o caso, mas acredita que o disparo contra Richard não tenha sido intencional, noticiou a AP.

Terra

5 comentários:

THYMBERTHY KKALL LLYY disse...

Oi Yasmim. Tudo bem?
Vc viu lá no meu blog, só sonho maluco. Mas acredite, nunca fui assaltado, só em sonho mesmo., rsrsrsrsr
Muito legal seu blog, bem diversificado. Gostei.
Será que vc podia me ensinar algo que não consigo fazer no meu blog?
São duas dificuldades minha.

1ª - Como faço na barra lateral, para incluir temas de meu blog e as pessoas terem acesso lá.Com o no seu blog, por exemplo, onde eu cliquei (noticia e charges) em tecnologia e foi para publicações sua, sobre tecnologia. Como faço para colocar isto?

2º) como faço para colocar na barra lateral, os últimos comentários feito no blog?

Agradeço se puder me ajudar.
Abraços e tudo de bom para vc
Fique sempre bem

Thiago Laurent. disse...

uau cara, que sortudo :o

Mr. Boa disse...

Sortudo o cara heim...

Lucimar Sant`Ana disse...

Eu não acredito em sorte e sim que não chegou a hora dele mesmo !!!
O que eu concordo é com a fé e a manifestação do poder de Deus na vida dos que acreditam.
Esta noticia faz refletir.

Beijos.
Obrigada por ter visitado o meu blog.
Estou sempre te esperando no meu cantinho.

Larissa disse...

Nunca se sabe quando a sorte baterá em nossas portas, no caso desse homem, a sorte veio nesse dia