Música no Japão

Data: quinta-feira, 10 de março de 2011 6 comentários

Oi galerinha do mal como vocês estão?
Hoje graças a Deus já é Quinta -Feira e logo mais SEXTA que maravilha, acho que essa é a melhor semana.
Fui viajar para Minas e foi uma maravilha, quem tiver a oportunidade de visitar São Thomé Das Letras não pense duas vezes pois o lugar é maravilhoso.
Infelizmente choveu o feriado todo e eu tive que ficar na pousada quase todos os dias, e adivinhem o que eu fiquei fazendo ?
Baixando clip, músicas, jogos e muitas outras coisas,e lembrei do quanto eu gosto da cultura do Japão e das músicas insanas.
O J-Rock é o rock Japonês e que fez a cabeça dos Brasileiros, tem também J Pop que é muito bacana, eu gosto bastante, na verdade a primeira vez que escutei não gostei tanto mais depois virou meu vicio.
Na pousada que eu fiquei tinha uma TV gigante no quarto na qual eu conectei meu note book, a imagem era ótima também não era pra menos, era uma tv com painel IPS, pode ate parecer bobagem mais a qualidade é superior em relação a outras TVs.
Bom espero que vocês gostem das músicas ! 


















6 comentários:

stephanie disse...

Adoro Jpop e Jrock. Comecei a ouvir assistindo animes. Me amarro em Do As Infinity e Asia Kung Fu. D+!!

Jυℓyh disse...

abri essa pag e comecei a procurar Miyavi...fato

Matsu disse...

Esqueceu do the GazettE D: é uma das bandas japonesas de Visual Kei (talvez a mais famosa) da atualidade. Mas, essas acima são ótimas, principalmente DEG e Miyavi <3

Nati disse...

Faltou X-Japan tb... =D
Mas todas as musicas que vc colocou são ótimas...

Anônimo disse...

Radwimps...-> quase ninguém do Brasil conhece mas sempre fica entre as mais tocadas no Japão

NeeKill disse...

Não tem como não gostar. Ouço Miyavi há 6 anos já. E nunca falta música dele no meu player.
São várias fases musicais, todas diferentes, mas sempre tem um "Q" de latino nas músicas.

Fora que ele é uma mestre no violão, como se pode ver no clipe Selfish Love.

Vale a pena, e não se enganem com o visual dele. É um dos que eu mais respeito na música contemporânea.